Sábado, 6 de Fevereiro de 2010

GRANDE PRÉMIO FIM DA EUROPA

Cada corrida em que participamos é uma nova surpresa. E esta não fica atrás, pela beleza do percurso, pela originalidade do traçado.

À partida não seria muito recomendável começar uma corrida logo com cerca de 3 quilómetros sempre a subir, e muito a subir.

Não obstante sabermos de antemão que os seis quilómetros finais seriam sempre a descer até à meta, este início de prova serviria de justificação para afastar os mais "medrosos".

Mas não foi isto que aconteceu ...

Como era expectável a adesão foi massiva.

 

Os primeiros quilómetros foram corridos (ou será que foram "andados") a um ritmo lento, muito lento. Mas o facto do declive ser acentuado não explica tudo. Mesmo que os atletas quisessem imprimir um andamento mais vivo não o conseguiriam, a menos que tivessem partido mesmo junto à linha de partida. O "pelotão" era bastante compacto em virtude do elevado número de corredores. Mais do que vencer o desnível inicial os atletas preocuparam-se em não se atropelarem uns aos outros.

Decorridos os primeiros três quilómetros entrámos na fase mais bonita da corrida. No coração da Serra de Sintra (Parque da Peninha) os atletas puderam enfim descansar um pouco e recuperar do esforço inicial. Começa a procura pelas melhores posições e pelo ritmo de corrida mais normal.

Após o segundo abastecimento de água todos se prepararam para atacar a última subida desta corrida. Ou melhor dever-se-iam ter preparado.

 

Mas que subida. Uma verdadeira "parede de escalada" a fazer lembrar o Grande Prémio José Araújo. Curta e dura. Houve até quem, como forma de melhor vencer o terrível desnível, tivesse feito este troço aos "ziguezagues".

 

A partir deste fatídico ponto foi sempre a descer. Foi a oportunidade de se atingirem velocidades elevadas. Um atleta mais velho que me acompanhava comentou "não saber se conseguiria parar na meta"... Outros preocuparam-se mais em não cair e travavam mais do que aceleravam.

 

Parecía que estávamos no paraíso. Nada se oporia aos altetas.

 

Pois, mas quem anda nestas andanças já aprendeu a não ser "ingénuo". Há sempre uma surpresa à nossa espera. E ela ali estava ao virar de uma curva. O vento forte soprando do Atlântico teimava em dificultar a parte final da corrida.

 

Mas todas estas contrariedades foram superadas pelos nossos atletas. Finalmente terminavam o Grande Prémio do Fim da Europa, que fez jus à expectativa.

 

MAS NÃO FOI O "FIM DO  MUNDO"!!!

 

O Grande Prémio do Fim da Europa foi concluído por 1453 "corredores" sendo registado como melhor tempo a marca de 0:55:02.

 

Para a memória futura fica o registo da participação das TARTARUGAS.

 

FREDERICO SOUSA

Tempo Oficial: 1:53:53/ Tempo do Chip: 1:52:51 Classificação Geral: 1424º 

Tempo médio/Km: 06m:40 s  <=> Velocidade média: 9,01 Km/h

 

CARLOS CATELA

Tempo Oficial: 1:40:55/ Tempo do Chip: 1:39:53 Classificação Geral: 1217º 

Tempo médio/Km: 05m:54s  <=> Velocidade média: 10,18Km/h

 

CARLOS GONÇALVES

Tempo Oficial: 1:37:41/ Tempo do Chip: 1:36:39 Classificação Geral: 1137º

Tempo médio/Km: 05m:42s  <=> Velocidade média: 10,52Km/h

 

Corridas para o mês de Fevereiro

  • 7 de Fevereiro: Grande Prémio José Afonso (Grândola)
  • 14 de Fevereiro: 20 Km de Cascais
  • 28 de Fevereiro: Grande Prémio do Atlântico (Costa da Caparica)
publicado por Carlos M Gonçalves às 00:31

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. CORRIDA DO TEJO

. CORRIDA DA LINHA MÉDIS

. MEIA MARATONA DE S. JOÃO ...

. TRAIL DOS MOINHOS SALOIOS

. CORRIDA DAS FOGUEIRAS

. OEIRAS TRAIL

. PALMELA RUN

. Lx Trail Monsanto

. CORRIDA DE BELÉM

. MEIA MARATONA DE SETÚBAL

.arquivos

. Setembro 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.links

.subscrever feeds