Sábado, 4 de Junho de 2011

CORRIDA DO GUINCHO . Entre Mar e Serra

Está aberta a nossa "caça à montanha". Na realidade já tínhamos prevista a participação nos "Trilhos de Almourol". Mas, como esta prova coincidiu com a realização da Corrida dos Sinos, optámos então pela prova de Mafra. Mas o bichinho ficou cá. Adormecido mas vivo. E os mesmos dois aventureiros do ano passado voltaram à carga na zona da Malveira da Serra para uma vez mais atacarem a Serra de Sintra.

 

Como são difíceis, mas ao mesmo tempo belas e desafiantes, as corridas de montanha. Deixamos para trás o alcatrão e o apoio popular para nos embrenharmos na natureza. Durante mais de uma hora esquecemo-nos da agitação do dia a dia e cada obstáculo que ultrapassamos é uma pequena limpeza às nossas cabeças. As corridas de montanha são, por norma, para os atletas melhor preparados e que levam estas provas muito a sério. São semi profissionais. Mas começa cada vez mais a haver vespaço para os "amadores" que normalmente só treinam ao fim de semana, preferencialmente nas corridas em que participam. Esta nova tendência está bem presente no aumento do número de participantes e, facto assinalável, com uma média de idade já mais avançada. Ninguém quer perder esta nova modalidade de corridas. E funcionando o "passa a palavra", ou como se diz em marketing o "boca a boca", os ilustres participantes nestas provas não se cansam de as elogiar e de transmitir as sensações a outros colegas e até incentivá-los, diria mesmo puxá-los, para as corridas "off the road". É o novo desafio. Aliás a nossa vida é feita de desafios que nos levam à nossa superação evitando que caiamos no tédio, no marasmo, ou seja que nos acomodemos. E quem se acomoda "morre".

 

Para 2011 a organização tinha pensado em oferecer-nos um percurso mais longo, com cerca de 15 quilómetros, e com mais motivos de interesse. Todavia este aliciante gorou-se à última hora pelo que a organização se viu forçada alterar o percurso inicialmente programado. Não só a distância foi menor do que o previsto mas também deixámos de passar pela praia. No entanto o essencial manteve-se.

 

A parte inicial assemelha-se a um percurso de BTT assim como não faltou a travessia do túnel com uma pequena ribeira aos nossos pés, assinalado e iluminado por pequenos archotes. Fez lembrar a Corrida das Fogueiras (lá estaremos nessa clássica). Divinal. Só que, após o primeiro abastecimento aos 5 quilómetros, em vez de irmos à praia inflectimos logo para a serra. Até é bom que de ano para ano hajam novidades para manter o interesse nesta prova. Aqueles "single treks", em que a nossa principal preocupação é basicamente olhar para o terreno que pisamos e ver onde colocamos os pés, aumentam a adrenalina. Até que após o segundo abastecimento lá temos de negociar de novo aquela terrível subida, qual parede de escalada. O piso até é bom mas o declive e o comprimento, "minha nossa senhora", deitam por terra todas as legítimas esperanças de cumprir toda o percurso em passo de corrida. Aliás naqueles 500 a 600 metros nós não corremos, mal andamos, quase rastejamos colocando no chão também as mãos.

 

Ultrapassado o maior obstáculo da Corrida do Guincho somos levados a pensar que a partir daí não teremos grandes dificuldades. "É só a descer". Mas será? NÃO. Se bem que maioritariamente o percurso seja a descer, até por que a meta está posicionada a uma cota mais baixa, ainda teremos de enfrentar pequenas subidas, para não adormecermos e descansar de todo. E entramos numa das mais belas fases da prova. São só árvores e vegetação rastejante. Quase não vemos a luz do dia. MAGNÍFICO! E a pouco e pouco caminhamos para o final da corrida. A parte final, em empedrado e sempre a descer, dá largas à nossa imaginação. Pensamos, inocente e ingenuamente, que poderemos naqueles metros finais recuperar o tempo "perdido" nas diversas subidas. É a aceleração final, ao som das palavras e gritos de incentivo quer dos caminheiros quer de outros atletas que já terminaram a sua participação. Só temos de ter cuidado para não entrarmos em descontrolo total.

 

Feitas as contas finais, bem como a habitual troca de impressões com outros atletas, uma pergunta se coloca nas nossas mentes: "Quando é a próxima corrida de montanha?". E também já temos a certeza de que para o ano cá estaremos de novo.

 

O mês de Junho não será tão preenchido como o foi este Maio que agora terminou. Mas, sem descurar as clássicas, já assumimos a nossa participação, e na máxima força, na próxima prova do Circuito Nacional de Montanha Salomon: A Escalada do Mendro irá ter a nossa "impressão digital". Quem sabe se futuramente não nos dedicaremos cada vez mais a este tipo de provas em detrimento do "alcatrão". Para a semana há mais desporto.

 

Atletas que concluiram a prova: 280 (235 em 2010) 

Vencedor: Pedro Rodrigues (FC Mogadourense) - Tempo Oficial: 0:48:03

 

FREDERICO SOUSA

Classificação Geral: 246º - Classificação no Escalão M45:  43º

Tempo Oficial: 1:31:23/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 1:31:00

Tempo médio/Km: 7m:29s  <=> Velocidade média:8,02Km/h (*)

 

CARLOS GONÇALVES

Classificação Geral: 175º - Classificação no Escalão M55: 6º

Tempo Oficial: 1:18:44/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 1:18:41

Tempo médio/Km: 6m:28s  <=> Velocidade média: 9,27Km/h (*)

 

 

(*) - O Tempo médio/Km e a Velocidade média foram calculados em função dos tempos cronometrados (tempo do chip)

 

Corridas do mês de Maio

 

  • 1 - Corrida do 1º de Maio (Lisboa) - 15 Km
  • 8 - Meia Maratona da Costa Azul (Setúbal) - 21,0975 Km
  • 15 - Corrida de Vendas Novas - 10 Km
  • 22 - Meia Maratona dos  Palácios (Sintra/Queluz) - 21,0975 Km
  • 29 - Entre Serra e Mar (Guincho) - 12,16 Km

Calendário para o mês de Junho

  • 5 - Corrida do Oriente (Lisboa) - 10 Km
  • 18 - Marginal à Noite  (Oeiras) - 8 Km
  • 23 - Escalada do Mendro - 10 Km
  • 25 - Corrida das Fogueiras (Peniche) - 15 Km
publicado por Carlos M Gonçalves às 23:55

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. CORRIDA DO TEJO

. CORRIDA DA LINHA MÉDIS

. MEIA MARATONA DE S. JOÃO ...

. TRAIL DOS MOINHOS SALOIOS

. CORRIDA DAS FOGUEIRAS

. OEIRAS TRAIL

. PALMELA RUN

. Lx Trail Monsanto

. CORRIDA DE BELÉM

. MEIA MARATONA DE SETÚBAL

.arquivos

. Setembro 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.links

.subscrever feeds