Quinta-feira, 18 de Novembro de 2010

36ª MEIA MARATONA INTERNACIONAL DA NAZARÉ

É verdade que a Meia Maratona da Nazaré já não é o que era.

 

Organização pioneira em Portugal em corridas nesta distância, criou, como se constuma referir em marketing, uma "tendência". E quem cria uma tendência favorece inevitavelmente o surgimento de seguidores. Por isso temos hoje, um pouco por todo o País, várias "meias maratonas" donde, com uma oferta tão alargada, a escolha é, por vezes, difícil. Resultante deste cenário vimos a assistir, ano após ano, a uma perda do fulgor e da importância que a Meia Maratona da Nazaré teve noutros tempos.

 

A participação popular continua, todavia, a tentar adiar o mais possível a morte (anunciada) desta prova. Neste ano, apesar de uma previsão meteorológica adversa, ainda participaram e concluiram perto de mil e duzentos atletas. A esmagadora maioria reflectia nos rostos, e nas conversas que iam entabulando ao longo da corrida, o espírito de participação e de puro convívio. A Competição fica reservada para outros eventos.

 

O dia não se apresentava muito convidativo. Frio, vento e ameaças de chuva (que veio a marcar presença mas só no final) não constituiram obstáculo importante à troca de uma manhã de domingo no conforto do lar pela competição na rua. Para estes atletas o "conforto" está mesmo é na rua, a correrem seja em que condições forem.

 

E as nossas TARTARUGAS lá rumaram de manhã à Nazaré. Um estreante - Frederico - e dois outros com uma enorme vontade de apagarem o mau desempenho do ano passado.

 

Mantendo o mesmo traçado de 2009, foi com grande satisfação que os corredores encontraram em grande parte do percurso um forte apoio popular. E quando o público estava mais "calado" eram os atletas a puxar pelo público. Apenas um reparo a apontar à organização. No penúltimo abastecimento, por volta dos quinze quilómetros, nem todos chegaram a tempo de receber a "desejada" garrafinha de água. Porventura terão havido alguns abusos. Mas como o tempo não estava quente este problema acabou por ser menor.

 

Longe de ser uma prova rápida as TARTARUGAS melhoraram os tempos relativamente a 2009, estabelecendo marcas individuais acima do seu historial de participação em Meias Maratonas. Destaque para o Frederico que não só estabeleceu o seu melhor tempo individual como baixou, pela primeira vez, a fasquia das duas horas. "Ele anda a treinar em segredo ...".

 

E para o próximo ano a organização da Meia Maratona Internacional da Nazaré pode desde já voltar a contar com este trio.

 

Atletas que concluiram a prova: 1169

Vencedor: Luís Ginja (GDR Reboleira) - Tempo Oficial: 1:09:39

 

FREDERICO SOUSA

Classificação Geral: 989º- Classificação no Escalão M45: 181º

Tempo Oficial: 1:57:06/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 1:56:38

Tempo médio/Km: 5m:32s  <=> Velocidade média: 10,85 Km/h (*)

MELHOR TEMPO INDIVIDUAL NA PROVA E NESTA DISTÂNCIA

CARLOS TEIXEIRA 

Classificação Geral: 1070º - Classificação no Escalão M50: 159º

Tempo Oficial: 2:03:16/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 2:02:49

Tempo médio/Km: 5m:49s  <=> Velocidade média:10,31 Km/h (*)

 MELHOR TEMPO INDIVIDUAL NA PROVA

CARLOS GONÇALVES 

Classificação Geral: 902º - Classificação no Escalão M50: 132º

Tempo Oficial: 1:52:39/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 1:52:15

Tempo médio/Km: 5m:19s  <=> Velocidade média: 11,28Km/h (*)

 MELHOR TEMPO INDIVIDUAL NA PROVA

(*) - O Tempo médio/Km e a Velocidade média foram calculados em função dos tempos cronometrados (tempo do chip)

 

Corridas para o mês de Novembro

 

  • 14 - Meia Maratona da Nazaré : 21,0975 Km
  • 28 - Corrida Luzia Dias (Lisboa - 10 Km)

 

publicado por Carlos M Gonçalves às 22:20

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. CORRIDA DO TEJO

. CORRIDA DA LINHA MÉDIS

. MEIA MARATONA DE S. JOÃO ...

. TRAIL DOS MOINHOS SALOIOS

. CORRIDA DAS FOGUEIRAS

. OEIRAS TRAIL

. PALMELA RUN

. Lx Trail Monsanto

. CORRIDA DE BELÉM

. MEIA MARATONA DE SETÚBAL

.arquivos

. Setembro 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.links

.subscrever feeds