Sábado, 2 de Janeiro de 2016

CORRIDA SÃO SILVESTRE DE LISBOA

100 Corridas.png

Estamos prontos para mais uma Corrida São Silvestre de Lisboa. Cumpre-se este ano a oitava edição e a equipa das LEBRES E TARTARUGAS conta com dois Totalistas. O Catela e o Frederico fazem as honras da casa.

 

Em 2015 partimos com uma equipa alargada, a mais numerosa de sempre nesta prova. Além dos Veteranos Frederico Sousa, Carlos (Catela) Teixeira, Carlos Gonçalves e João Valério reforçámo-nos com dois ex-juniores: André Gonçalves e Gonçalo Gonçalves. Há alguns anos os dois irmãos já tinham participado na Corrida das Fogueirinhas, prova sem tempos nem classificações oficiais. O Gonçalo também já disputou duas edições da Corrida do Oriente bem como os 20 Km de Cascais deste ano que agora termina. Para o André foi a estreia absoluta numa prova de dez quilómetros e com controlo oficial de tempo.

 

À última hora ainda se juntou a nós o Hugo que correu com um dorsal emprestado.

 

O Ponto de Encontro era o Elevador da Glória junto aos Restauradores. Passava perto de um quarto de hora das cinco da tarde quando toda a equipa se reuniu. Os preparativos de última hora, como o colocar dos dorsais e do chip no sapato, antecediam a mentalização dos atletas para mais uma prova. Ainda temos tempo para a habitual fotografia de conjunto.

20151226_171722.jpgEm seguida cada um dirige-se ao respectivo bloco de partida. O Carlos Teixeira ficou sozinho nos Sub 50 enquanto que os três outros Veteranos foram para o compartimento dos atletas com tempo previsível abaixo da uma hora. O André e o Gonçalo foram encontrar-se com dois amigos – Fradique e Giorgio – e encaminharam-se para o grupo dos Mais de 60.

 

Adivinhava-se uma confusão monumental tal era o número de participantes. A organização anunciava muito orgulhosamente que tinham atingido a incrível marca das doze mil inscrições, distribuídas pelas várias provas. No início da abertura do período de inscrições não era expectável que este ano o número de inscritos ultrapassasse o da edição de 2014. Nos anos anteriores as inscrições voavam esgotando-se praticamente logo no mês de Outubro. Este ano a adesão foi manifestamente inferior a julgar por já em Dezembro ainda ser possível inscrever atletas. E por o dia 26 de Dezembro ser Sábado, com muitas pessoas a emigrarem de Lisboa para outras paragens, fez temer o pior. Todavia nas últimas semanas o cenário compôs-se até que as inscrições encerraram por se atingido o limite das vagas disponíveis.

 

A Corrida São Silvestre de Lisboa na realidade não pode ser considerada como uma Corrida. É antes um momento de convívio e de confraternização e com o espírito natalício ainda bem lá no alto. O grande aliciante é a denominada e tão propalada “guerra dos sexos” com as mulheres a partirem alguns minutos antes dos homens e como que a fugirem deles para não serem alcançadas. Este ano, e contrariando a tendência das últimas edições, os Homens superiorizaram-se às Mulheres.

 

Não obstante existirem diferentes blocos de partida não se eliminaram os grandes congestionamentos de atletas ao longo da prova empurrando-se uns aos outros e quase se atropelando. Apenas se amenizou levemente a confusão. Por outro lado por uma vez mais se verificou que as ruas da Baixa Lisboeta têm uma reduzida capacidade de escoamento para tantos atletas. Os passeios também passaram a ser, uma vez mais, transformados em pista, para pânico dos muitos populares que aguardavam a passagem dos atletas. Só depois do Cais do Sodré, após a entrada na 24 de Julho, é que começamos a ter alguma margem de manobra. Mas foi “Sol de pouca dura”. Depois de dobrarmos o ponto de retorno, perto da Avenida Infante Santo, começamos a levar com os atletas mais atrasados do bloco de partida que nos antecedeu. Definitivamente que não viria a ser uma corrida de dez quilómetros ao ritmo normal. Mas na realidade nem devemos encarar a Corrida São Silvestre como uma competitiva prova de estrada.

 

Chegados ao Cais do Sodré vamos reencontrar o antigamente tão odiado, e agora já nem por isso, piso empedrado ao longo do Rio Tejo e que nos conduz até à Praça do Comércio. Para alguns de nós é a sexta vez neste ano que fazemos este troço, passando pelas Meias Maratonas de Lisboa e dos Descobrimentos, a Maratona de Lisboa, a Corrida do Montepio, a Corrida “Juntos Contra a Fome” e agora a São Silvestre de Lisboa. Quase já nem damos por esta etapa. Subindo a Rua da Prata rapidamente chegamos ao Rossio e, logo de seguida, à Praça dos Restauradores. À entrada da Avenida da Liberdade vemos o balão dos oito quilómetros. É só subir até ao Marquês de Pombal e depois retornar até à meta. Aqueles últimos mil metros sempre a subir são feitos com algum custo. Entre a Avenida Alexandre Herculano e o Marquês de Pombal avistamos, no sentido descendente, a manga onde se iniciará uma outra competição dentro da prova principal. À semelhança da edição do ano passado também haverá uma classificação e prémios para os mais rápidos no último quilómetro. Só que, devido ao grande número de corredores, este último quilómetro tem de ser feito aos “zigue-zagues” sacrificando-se os nossos tempos. Mas não vale de nada chatearmo-nos. É mesmo assim.

 

Cada um dos nossos atletas termina a sua prova e dirige-se ao nosso ponto de reencontro previamente acordado. À entrada da Estação de Comboios do Rossio esperam-nos as nossas duas acompanhantes. A felicidade está estampada nos nossos rostos. E quem mais vibrou com a São Silvestre de Lisboa foram os nossos “benjamins”. Foi uma experiência certamente a repetir em 2016.

20151226_185508.jpgE, além do convívio, também conseguimos queimar algumas das calorias extras que ganhámos neste Natal. Fechámos o ano com “Chave de Ouro”. É tempo de descansar, gozar a passagem do ano e só depois pensar em mais corridas.

 

Atletas que concluiram a prova: 10128

Vencedor: HERMANO FERREIRA (Sporting Clube de Portugal) - 0:30:00

 

CARLOS TEIXEIRA (Dorsal Nº 1028)

Classificação Geral: 2217º - Classificação no Escalão V55: 88º - Classificação Chip: 2229º

Tempo Oficial: 0:49:25/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 0:48:41

Tempo médio/Km: 4m:52s <=> Velocidade média: 12,32 Km/h(*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:04:13/2665º

 

FREDERICO SOUSA (Dorsal Nº 1097)

Classificação Geral: 5945º - Classificação no Escalão V50: 449º - Classificação Chip:6382º

Tempo Oficial: 1:01:35/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 1:00:28

Tempo médio/Km: 6m:03s <=> Velocidade média: 9,92 Km/h(*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:05:02/6049º

 

JOÃO VALÉRIO (Dorsal Nº 1137)

Classificação Geral: 5038º - Classificação no Escalão V60: 109º - Classificação Chip:5295º

Tempo Oficial: 0:58:39/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 0:57:34

Tempo médio/Km: 5m:45s  <=> Velocidade média: 10,42Km/h (*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:04:51/5341º

 

CARLOS GONÇALVES (Dorsal Nº 1277)

Classificação Geral: 3229º - Classificação no Escalão V55: 144º - Classificação Chip: 3283º

Tempo Oficial: 0:53:01/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 0:51:56

Tempo médio/Km: 5m:12s  <=> Velocidade média: 11,55Km/h (*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:04:15/2851º

 

GONÇALO GONÇALVES (Dorsal Nº 9712)

Classificação Geral: 5398º - Classificação no Escalão Sénior: 1078º - Classificação Chip: 4663º

Tempo Oficial: 0:59:49/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 0:55:43

Tempo médio/Km: 5m:34s <=> Velocidade média: 10,77 Km/h(*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:04:25/3556º

 

ANDRÉ GONÇALVES (Dorsal Nº11094)

Classificação Geral: 4283º - Classificação no Escalão Sénior: 854º - Classificação Chip:3405º

Tempo Oficial: 0:56:24/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 0:52:18

Tempo médio/Km: 5m:14s <=> Velocidade média: 11,47 Km/h(*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:04:00/1821º

 

HUGO FERREIRA  (Dorsal Nº 6204) => Correu com o dorsal de outro atleta

Classificação Geral: 5177º - Classificação no Escalão: ND - Classificação Chip: 4758º

Tempo Oficial: 0:59:04/Tempo Cronometrado (Tempo do Chip): 0:56:03

Tempo médio/Km: 5m:36s  <=> Velocidade média: 10,70Km/h (*)

Tempo/Classificação no último quilómetro: 00:04:59/5903º

 

(*) - O Tempo médio/Km e a Velocidade média foram calculados em função dos tempos cronometrados (tempo do chip)

 

Calendário do Mês de Dezembro

  • 6 - Meia Maratona dos Descobrimentos (Lisboa) - 21,0975 Km
  • 13 - Grande Prémio do Natal (Lisboa) - 10 Km
  • 26 - Corrida São Silvestre (Lisboa) - 10 Km

Calendário para o Mês de Janeiro

  • 10 - GP do Camarnal (Camarnal/Alenquer) - 10 Km
  • 31 - Grande Prémio do Fim da Europa (Sintra/Cabo da Roca) - 16,945 Km
publicado por Carlos M Gonçalves às 15:48

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. MEIA MARATONA DE S. JOÃO ...

. CORRIDA DOS MOINHOS DE PE...

. REGRESSO ÀS AREIAS

. PALMELA RUN

. CORRIDA DO SPORTING

. Corrida das Fogueiras – O...

. CORRIDA DO ORIENTE - Mant...

. CORRIDA DE SANTO ANTÓNIO

. CORRIDA DE BELÉM

. LISBON ECO MARATHON

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.links

.subscrever feeds