Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2009

SÃO SILVESTRE DE LISBOA

E foi com a participação na Corrida São Silvestre de Lisboa que as nossas TARTARUGAS terminaram da melhor forma um ano de dignas participações em Corridas do Calendário de provas de rua.

 

E nada como uma prova bem organizada para encerrar o ano em beleza.

 

Apesar de ir ainda só na 2ª edição a Corrida São Silvestre de Lisboa teve uma organização à altura. Percurso fácil, pelo menos aparentemente, e na zona mais emblemática da cidade de Lisboa. Bastante público a assistir e a incentivar os atletas. Até o S. Pedro deu uma preciosa ajudinha adiando a chuva para mais tarde.

 E não faltaram os "Pacemakers" muito úteis para cada um se melhor posicionar no seu tempo de referência.

 

Um senão teve a ver com o abastecimento  de água, por volta do quilómetro cinco, numa zona muito delimitada e gerando alguma confusão/engarrafamento nos atletas. Um outro reparo tem a ver com o final da prova não havendo uma zona de maior descompressão e recuperação após se cruzar a linha da meta. Veio à memória o fatídico final do Grande Prémio do Natal.

 

Os nossos Atletas despediram-se do ano de 2009 com prestações à altura dos seus pergaminhos. Carlos Catela conseguiu mesmo melhorar o tempo conseguido em 2008. Um grande feito.

 

Nesta prova terminaram 3048 atletas tendo o melhor tempo sido de 0:29:48 (tempo de chip).

 

FREDERICO SOUSA

Tempo Oficial: 1:04:15/ Tempo do Chip: 1:03:36 Classificação Geral: 2647º / Classificação no Escalão (Vet 2): 307º

Tempo médio/Km: 06m:22 s  <=> Velocidade média: 9,43 Km/h

 

CARLOS CATELA

Tempo Oficial: 0:53:53/ Tempo do Chip: 0:52:57 Classificação Geral: 1573º / Classificação no Escalão (Vet 2): 188º

Tempo médio/Km: 05m:18s  <=> Velocidade média: 11,33Km/h

 

CARLOS GONÇALVES

Tempo Oficial: 0:51:35/ Tempo do Chip: 0:50:59 Classificação Geral: 1314º / Classificação no Escalão (Vet 3): 122º

Tempo médio/Km: 05m:06s  <=> Velocidade média: 11,77Km/h

 

E no dia 3 de Janeiro começa um novo ano com a participação na Corrida de S. Domingos de Benfica.

 

BOM ANO DE 2010

publicado por Carlos M Gonçalves às 01:11

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 24 de Dezembro de 2009

BOAS FESTAS

 

 

Esta não é necessariamenta a imagem das Tartarugas no final de cada prova.

 

Desejamos a todos os amigos, atletas e visitantes do nosso blog, um Feliz Natal e um Esplêndido 2010, bem melhor do que o ano que agora termina.

 

Mas, até ao virar do ano, estes atletas ainda irão participar na Corrida São Silvestre de Lisboa. Assim, não podemos abusar dos doces e do álcool tão tentadores nesta Festa Natalícia. Há que manter alguma forma (a possível ...).

 

FELIZ NATAL 2009

publicado por Carlos M Gonçalves às 19:02

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 22 de Dezembro de 2009

GRANDE PRÉMIO DE NATAL - Comentários da Prova

O que se passou na parte final desta prova foi verdadeiramente

LAMENTÁVEL!!!

É completamente inadmissível que, após a meta, seja instalado um "funil" para entrega de camisolas e de águas entupindo completamente a zona onde estava instalado o pórtico de controlo dos tempos dos atletas. Com este atribulado fim da corrida todo o esforço dos corredores, na tentativa de conseguirem tempos recorde nesta distância, foi literalmente anulado. Melhor ainda, desprezado.  Não foi, por isso, estranho o conjunto de reacções extremamente negativas dos corredores, alterados no seu comportamento racional, chegando mesmo a insultar aqueles que apenas ali estavam a assegurar o controlo dos tempos e que, muito inocentemente, nada tinham a ver com aquela "bagunça final".

 

A relembrar e a considerar pela Associação de Atletismo de Lisboa na realização das próximas edições do Grande Prémio de Natal. Até porque já se realizaram 52 edições. Há que aprender com os erros.

 

E passemos agora aos comentários da prova.

 

As condições eram as propícias à realização de uma prova de rua. O percurso convidava à obtenção de bons tempos, quiçá de superação das melhores marcas individuais na distância de 10 quilómetros. E, a atender aos vários comentários que se iam ouvindo, a grande maioria dos atletas estava ali exactamente com esse grande desígnio.

 

É difícil encontrar um percurso melhor do que o escolhido. Com o início na Praça Duque de Saldanha nada como uns primeiros quilómetros sempre a descer. Uma descida suave, ideal para um bom aquecimento dos músculos e das articulações. E os corredores aproveitaram esta fase para encontrarem o ritmo mais adequado ao objectivo final.

 

Ao contornarmos a  Churrasqueira do Campo Grande, começa a aumentar o rimo da corrida. Inicia-se então a ligeira subida para o ponto mais alto do trajecto, exactamente no mesmo local onde se inciou a corrida. Mas os atletas nem notavam que estavam a subir tal era a ânsia no bater dos seus recordes pessoais. Era a oportunidade do "agora ou nunca". Sempre a descer desde o Saldanha até à meta nos Restauradores. Querem melhor do que isto?

 

O ritmo aumentava à medida que nos aproximávamos do final. Não se via no rosto dos atletas qualquer marca de esforço. Antes espelhavam o desejo de obterem um bom tempo, aliás um tempo de eleição em função das capacidades de cada um.

 

A Avenida da Liberdade foi corrida num ápice. E já se vislumbrava o "fim da linha" nos Restauradores, mas que só seria atingido depois de uma volta ao Rossio. Ao olhar de soslaio para o "placard" com o tempo da corrida colocado junto à meta, maior era a convicção de que se iria conseguir o tão almejado recorde. À saída do Rossio, na entrada na Praça dos Restauradores, dá-se o "sprint" final ... Mas para quê? A menos de 100 metros estava instalado o "CAOS" total com o já aludido engarrafamento que se estendia para além da linha de meta. Mais parecia o "garrafão" da Ponte 25 de Abril em horas de ponta.

 

Foi o desalento total com os "artistas" a perderem tempo significativo sem poderem fazer algo. Esfumou-se então o estabelecimento de tempos de referência.

 

Só neste "pára e arranca" as nossas TARTARUGAS perderam mais de cinco minutos. E tudo apenas para receberem uma camisola e uma garrafa de água. SIm só uma garrafa pois "podia não chegar para todos". O mesmo não se passou com as "t-shirts" pois houve quem tivésse recebido duas ...

 

Um  último reparo à organização. Aonde estavam os "placards" com os quilómetros já cumpridos?

 

Apesar de todos as contrariedades o que importa realçar foi o sentimento de dever cumprido dos corredores. O seu desempenho esteve em consonância com a quebra de recordes. E se o não conseguiram foi por motivos completamente alheios aos esforçados artistas.

 

Para a memória futura fica o registo dos tempos conseguidos.

 

Numa prova em que terminaram 1009 atletas o melhor tempo foi de 28 minutos e 4 segundos.

 

Quanto às nossas TARTARUGAS apresentam-se os tempos cronometrados por cada um até ao ponto de paragem no engarrafamento. No máximo deveríamos acresentar 30 segundos para o tempo final.

 

Indicam-se também os tempos e classificações oficialmente divulgados.

 

FREDERICO SOUSA

Tempo individual - 0:55:55

Tempo oficial - 01:02:50/Ritmo quilométrico: 6 m 17 s

Classificação Geral: 976º

 

CARLOS CATELA

Tempo individual - 0:49:38 

Tempo oficial - 00:51:20/Ritmo quilométrico: 5 m 8 s

Classificação Geral: 773º

 

CARLOS GONÇALVES

Tempo individual - 0:45:28

Tempo oficial - 00:50:09/Ritmo quilométrico: 5 m 01 s

Classificação Geral: 629º

 

 

publicado por Carlos M Gonçalves às 01:06

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 13 de Dezembro de 2009

52º Grande Prémio do Natal

Aí está mais uma grande prova do atletismo popular.

 

Estão reunidas as condições para uma grande participação de atletas. O percurso é agradável e aparentemente fácil, a desenrolar-se ao longo do principal eixo rodoviário da cidade de Lisboa.

 

As nossas TARTARUGAS preparam-se para uma das derradeiras participações em 2009.

 

O apoio popular que é habitual neste tipo de provas constituem um estímulo e um incentivo aos atletas.

 

É a oportunidade para se tentarem bater os recordes nesta distância.

 

Um desafio se lança para as nossas TARTARUGAS: conseguirem nesta corrida os melhores tempos pessoais na distância da dupla légua.

 

E a seguir temos a derradeira participação de 2009 na São SIlvestre de Lisboa. A menos que os nossos atletas ainda descubram mais alguma prova para terminarem o ano de 2009 em beleza.

 

Força TARTARUGAS que o fim está próximo.

publicado por Carlos M Gonçalves às 00:11

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. MEIA MARATONA DE CASCAIS

. PENINHA SkyRace

. CORRIDA DO FIM DA EUROPA

. GP DE ATLETISMO DO CAMARN...

. CORRIDA COM OS CAMPEÕES

. SÃO SILVESTRE DE LISBOA

. ONYRIA CHALLENGE

. GRANDE PRÉMIO DO NATAL

. MEIA MARATONA DOS DESCOBR...

. GRANDE PRÉMIO DE ATLETISM...

.arquivos

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.links

.subscrever feeds